Como chegar em Machu Picchu

A primeira coisa que eu digo quando me perguntam sobre o Peru é que sua experiência no país não deve se resumir a Machu Picchu. Mesmo assim, confesso que a cidade perdida dos Incas foi o motivo principal de eu ter escolhido o Peru para fazer meu primeiro intercâmbio.

Há diversas formas de chegar lá, mas eu queria muito fazer a trilha. Eu fui em Julho, e muita gente diz que é a melhor época para visitar Machu Picchu, isso porque a estação de chuvas começa em Dezembro e vai até Março – Janeiro e Fevereiro são os meses mais críticos e a trilha chega a ser fechada.

Processed with VSCO with a5 preset

É muito recomendado comprar o ingresso antes, principalmente quem quiser subir Huaynapicchu, aquela montanha bonitona que aparece no fundo da foto mais clássica de Machu Picchu, sabe? O acesso é controlado e só entra quem tiver o ingresso especial para subir. Um grupo sobe as 7 da manhã e outro as 10, e vale o mesmo para a montanha que fica do outro lado. Alguns amigos subiram essa outra e a vista é espetacular. Quem sabe na próxima…

Processed with VSCO with a5 preset

-Como comprar o Ingresso

O ingresso você compra pelo site ou por alguma agência. O meu eu acabei pedindo para a agência comprar (incluindo Huayanapicchu) e paguei lá em Cusco, junto com o valor da trilha. O site é meio chato, mas no Sunday Cooks tem um post mastigadinho sobre a compra pela internet.

-Como ir de trem

É só comprar o ticket no site da Peru Rail, lá tem tanto o round ticket quanto o one rail, o que eu comprei para voltar para Cusco.

São 3 trens, o Expedition, o Vistadome e o Hiram Bingham. O Expedition é o mais barato e o Vistadome é a opção mais confortável, mas ainda acessível.  Já o Hiram é a opção de luxo. Acabei comprando o Vistadome (só porque estava com um amigo, se não teria comprado o Expedition). A viagem é rápida, serviram um lanchinho tipo de companhia aérea e o serviço de bordo ficou por conta de umas gracinhas com música peruana e desfile de roupas de Alpaca – extremamente turístico e o tipo de coisa que você entra no clima, mas fica com vergonhazinha de estar ali.

-Como ir de trilha

Não é barato e nem todo mundo acha graça em demorar 4/5 dias para chegar, mas para mim tão importante quanto o destino, é o caminho. Depois de decidir ir de trilha você tem que escolher qual trilha você quer fazer:

– Inka Trail – Dura 2 ou 4 dias. É a mais conhecida, a que quase todo mundo faz! Tem que reservar com MUITA antecedência. O percurso é todo a pé e você dorme em barraca.

Salkantay – Dura 5 dias. Me disseram que é a trilha dos superlativos. A mais linda, a mais longa, a mais cara e dizem que é a mais difícil – e também a que eu mais queria fazer.

Inka Jungle Trail – Dura 3 dias e é a que eu fiz. Quando começei a reservar as coisas (em Abril/Maio) já não tinha mais a Inka Trail para as datas que eu precisava em Julho. Como eu estava estudando em Cusco e já tinha viagens marcadas antes de voltar para o Brasil, minhas datas não eram nem um pouco flexíveis. Por isso escolhi a Inka Jungle, que é mais barata e um pouco menos conhecida, além de incluir uma parte do percurso do primeiro dia de bike e os pernoites em hostels pelo caminho. Também dá para fazer rafting e zip-line (pagos à parte, para quem quiser acrescentar emoção).

No último dia é basicamente o mesmo caminho da Inka clássica e da galera que vai de ônibus/van para chegar em Águias Calientes. Nesse trecho você vai encontrar muitos viajantes, além do trem passando a cada tanto.

Processed with VSCO with c1 preset

Eu fiz com a Lorenzo Expeditions, por conta da recomendação em um guia que eu tenho lá em casa.  Li boas review no Trip Advisor, reservei tudo com eles enquanto ainda estava no Brasil, confiei e deu tudo certíssimo – eles só fazem a Inka Jungle e a Salkantay.

-Como ir de ônibus *update

A maneira mais barata de chegar é pegando vans em Cusco. Quero testar da próxima vez, e os meninos do Fodam-se os Postais fizeram um post ótimo contando como é!

Processed with VSCO with f2 preset

Ah, eu fui sozinha, só para dizer que quem fala que não vai porque não tem companhia deveria inventar outra desculpa. Falta de companhia absolutamente não é motivo pra não ir, a experiência é SUA – e isso vale pra qualquer destino no mundo.

Depois conto como foi a trilha!

Besos,

Robi

Now playing – No te va gustar – Cero a la izquierda

Anúncios

2 comentários em “Como chegar em Machu Picchu

  1. Hey Robs! Obrigado por citar nosso post 🙂 Que bom que tu também não pensa que o Machu Picchu é o lugar mais incrível do Peru. O que mais tu viu por lá e gostou? Fotos lindas e post bem completo. Bêjo e boas aventuras!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s